JUNTE-SE AOS NOSSOS SEQUIDORES !!!

Á MAIS VISITADA E COMENTADA DA SEMANA

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Morte de Eliza Samúdio foi prova de amor gay, diz advogado de Bruno

Foto: Divulgação
 
 
 
Após mais de um ano do desaparecimento de Eliza Samúdio, o caso envolvendo o ex-goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes, continua. Seu novo advogado, Rui Pimenta, disse nesta quinta-feira que culpado pela morte da amante do ex-atleta é Luiz Henrique Romão, o Macarrão, que teria assassinado Eliza como prova de amor homossexual a Bruno. 
 
As informações foram passadas pelo site do Terra.
 
Após a afirmação, Rui Pimenta disse que, para confirmar a nova acusação, seria necessária uma "avaliação feita por psiquiatras forenses". O advogado explicou que um dos indícios que o levou a acreditar nesta versão é a tatuagem que Macarrão leva nas costas que, segundo o próprio, é uma prova de amizade a Bruno.
 
Macarrão negou que seja homossexual e informou que, recentemente, teria denunciado à administração da Penitenciária Nelson Hungria e à Justiça os hábitos de outros presos o chamarem de "bicha". 
 
A declaração foi dada durante um depoimento prestado ao deputado estadual Durval Ângelo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia de Minas, que esteve na penitenciária para apurar a denúncia de que Macarrão estaria sendo ameaçado de morte.
O advogado Rui Pimenta disse também acreditar que o ex-goleiro possa ser libertado em poucos dias. 
 
Ele explicou que na véspera do recesso Judiciário de dezembro, foi colocado um pedido de habeas-corpus em Brasília e que tem "99% de certeza" de que Bruno sairá da prisão e voltará a jogar no Flamengo rapidamente, já que ele estaria preparado fisicamente para isso. 
 
"É um rapaz jovem, de bom porte físico, atleta, e conta com todas as condições de exercer a profissão", disse Pimenta.
 
 
 
 
Nem Ki Lask

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...