JUNTE-SE AOS NOSSOS SEQUIDORES !!!

Á MAIS VISITADA E COMENTADA DA SEMANA

terça-feira, 5 de junho de 2012

Estiagem causou perda de mais de 90% da safra em 39 cidades do Ceará






Em Salitre choveu 97% abaixo da média em 2012 (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)
Trinta e nove dos 184 municípios cearenses tiveram perda de mais de 90% da safra em 2012 devido à estiagem, segundo estudo divulgado nesta segunda-feira (4) pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece). As cidades mais afetadas são São João do Jaguaribe e Sonolópole, que tiveram perda de 100% da safra neste ano.


De acordo com Klinger Aragão Magalhães e Cleyber Nascimento de Medeiros, que elaboraram o projeto, os municípios das macrorregiões do Sertão Central e Sertão dos Inhamuns se destacam com os maiores índices de vulnerabilidade, especialmente os municípios de Itatira, Piquet Carneiro, Deputado Irapuan Pinheiro, Caridade, Madalena, Independência, Milhã, Crateús, Ibaretama, Penaforte,Solonópole, Arneiroz, Saboeiro, Tauá e Umari.


Segundo o estudo do Ipece, Monsenhor Tabosa é a cidade com menor produtividade agrícola por hectare. Já Independência, teve o maior queda na quantidade de chuva deste ano em relação à média histórica de precipitação da cidade.


Na semana passada o governo do estado havia reconhecido situação de emergência em 168 cidades do Ceará. O decreto, de acordo com o governador do Ceará, Cid Gomes, deve desburocratizar o reconhecimento da situação nas cidades, que esperam recursos de apoio a agricultores e pessoas que sofrem com as poucas chuvas no Ceará neste ano.
Chuvas irregulares


O Ceará registra no primeiro quadrimestre de 2012 uma queda de 50% no volume de chuva em relação à média histórica do estado, de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Ainda conforme a Funceme, a região mais afetada pelas chuvas irregulares é Jaguaribara, que teve queda de 75% em relação à média histórica.


Por conta das chuvas irregulares, ocorre no Ceará o fenômeno conhecido como “seca verde”, quando chove o suficiente para deixar a vegetação verde mas insuficiente para render uma boa safra. Devido à baixa incidência de chuva, o governo do estado se reuniu nesta semana como agricultores para traçar estratégias que possam reduzir os efeitos da seca.



G1 CE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...