JUNTE-SE AOS NOSSOS SEQUIDORES !!!

Á MAIS VISITADA E COMENTADA DA SEMANA

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Mercosul veta Paraguai em sua próxima reunião

http://3.bp.blogspot.com/-erWVFcZXDe0/T-egau5w1xI/AAAAAAAAF1s/pZft189tDSI/s1600/Paraguai_Golpe15_AtoSP.jpg






 
 
Os países-membros do Mercosul decidiram “suspender” o direito do Paraguai de participar da próxima reunião do bloco. O encontro ocorrerá nesta semana, de segunda (25) a sexta (29), na cidade argentina de Mendoza.
 
Coube à anfitriã anunciar o veto à participação do Paraguai. Em comunicado oficial, a chancelaria da Argentina anotou que os países que compõem o Mercosul manifestaram “sua mais enérgica condenação à ruptura da ordem democrática na República do Paraguai, por não ter sido respeitado o devido processo.”
 
Assim, em resposta à deposição sumária de Fernando Lugo, “suspender o Paraguai de forma imediata e, por este ato, do direito de participar da Reunião do Conselho do Mercado Comum e da cúpula de presidentes do Mercosul.”
 
O gesto é prenúncio do que está por vir. O Paraguai deve ser suspenso do Mercosul e também da (União de Nações Sul-Americanas) enquanto durar o mandato-tampão de Federico Franco, o vice que assumiu no lugar do defenestrado Lugo.
 
A providência tem um significado mais político do que econômico. Note-se que o vocábulo utilizado é “suspensão”, não expulsão. A próxima eleição presidencial paraguaia ocorrerá em abril de 2013.
 
Quer dizer: se o processo for regular e as urnas puderem ser consideradas legítimas, a coisa volta ao normal daqui a nove meses. A Unasul é um conglomerado político. Mas o Mercosul é mais do que isso. Envolve tratados comerciais. A exclusão do Paraguai causaria transtornos indesejáveis.
 
 
 
Nem Ki Lask
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...