JUNTE-SE AOS NOSSOS SEQUIDORES !!!

Á MAIS VISITADA E COMENTADA DA SEMANA

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Castelão chega ao mês de outubro com mais de 89% de conclusão

 
 
Sede de três partidas da Copa das Confederações 2013 e outras seis da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014™, a Arena Castelão segue como a obra mais avançada entre as doze sedes, encerrando o mês de setembro com 89,07% de conclusão. O percentual foi divulgado no último dia 30 pelo Consórcio Construtor, formado pelas empresas Galvão Engenharia e Andrade Mendonça. “Estamos na fase de acabamento com foco em três pontos principais: a coberta, o gramado e a instalação dos assentos. Seguimos com todo o ritmo necessário e caminhando para que possamos estar com o estádio pronto em dezembro e, a partir do próximo ano, os times cearenses possam disponibilizar do espaço para seus eventos”, afirma Ferruccio Feitosa, secretário Especial da Copa 2014.

Ainda durante o mês de outubro, o Castelão começa a receber a estrutura chamada “pele de vidro” que revestirá parte da Arena, como previsto no projeto arquitetônico. No Edifício Central, as cabines para imprensa, conhecidas como sky boxes, serão finalizadas juntamente com a sala de comando e controle do Castelão, de onde será possível controlar o som, telões e o monitoramento de câmeras de vigilância. 
 
Esses espaços têm uma visão privilegiada do campo e entorno. A coberta também entra em nova fase com a instalação das telhas. De acordo com dados do Consórcio Construtor, aproximadamente 20% dela será composta de policarbonato para propiciar um degradê de sombreamento ideal e melhorar a qualidade de transmissão televisiva, bem como a insolação do gramado.

Com capacidade total para 67 mil pessoas, a Arena Castelão será concluída em dezembro deste ano. Ao todo, o projeto envolve recursos da ordem de R$ 518,6 milhões que incluem todas as transformações do estádio e entorno com a construção da praça de acesso de 57 mil metros quadrados; estacionamento coberto para 1.900 veículos; edifício Fares Cândido Lopes, sede de dois órgãos estaduais; e a operação do estádio por oito anos, que irá cobrir todas as despesas com água, telefonia, esgoto e pessoal de manutenção e conservação. 
 
A obra do Castelão já chegou a gerar mais de 2 mil empregos diretos e conta atualmente com cerca de 1.600 colaboradores. 
 
 
 
 
Coordenadoria de Comunicação da Secopa
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...